Ir para o conteúdo principal

Orçamento participativo: propostas devem ser feitas até final de agosto

01 agosto, 2014

Orçamento participativo: propostas devem ser feitas até final de agosto

O próximo orçamento municipal já conta com a participação da população da Mealhada. A Câmara Municipal vai disponibilizar meio milhão de euros para o orçamento de 2015 e a população já começou a ser ouvida. O Orçamento Participativo foi uma das promessas eleitorais deste Executivo Municipal e já está a ser posto em prática. Os munícipes começaram a ser ouvidos a 4 de julho, nas várias assembleias participativas que decorreram em todas as freguesias do concelho. Agora, quem quiser participar, ainda o pode fazer durante o mês de agosto. Até 22 de agosto, é possível entregar as propostas em papel nas Juntas de Freguesia ou na Câmara Municipal. Quem preferir participar online, pode fazê-lo até dia 31 de agosto, no site http://op.cm-mealhada.pt.

Desde que apresentou a sua candidatura à Câmara Municipal da Mealhada, que o atual presidente, Rui Marqueiro, defendeu o Orçamento Participativo. Agora, nove meses depois de ter sido eleito, já está em curso o Orçamento Participativo de 2015. A ideia é promover a democracia participativa, possibilitando que os cidadãos decidam parte do destino dos recursos públicos disponibilizados pelo Município da Mealhada. O montante disponível para essa participação é de meio milhão de euros, sendo que para garantir a concretização de um maior número de projetos, o valor máximo a atribuir por iniciativa não deverá exceder os 50 mil euros. Trata-se, pois, de uma maior aproximação das políticas públicas às reais expetativas e necessidades dos cidadãos, estimulando o exercício de uma cidadania participada, ativa e responsável.

A participação está aberta a todos os munícipes maiores de 18 anos de idade, residentes, trabalhadores ou estudantes no concelho da Mealhada, assim como a representantes das diversas organizações da sociedade civil. Numa primeira etapa, os cidadãos são convidados a apresentarem as suas propostas. Essa etapa teve início a 4 de julho, com a primeira assembleia participativa, que decorreu em Casal Comba. Agora, que já decorreram todas as assembleias participativas, as propostas devem ser entregues presencialmente nas Juntas de Freguesia e na Câmara Municipal ou devem ser efetuadas através do site, em op.cm-mealhada.pt. Depois, numa segunda etapa, são os munícipes que vão decidir, através de votação, que propostas serão incluídas no Orçamento Municipal de 2015.

A sua opinião conta! Participe e obtenha mais informações em http://op.cm-mealhada.pt

(2014-07-28) - Press Release







Notícias Relacionadas