Ir para o conteúdo principal

Centro de Interpretação Ambiental celebra semana da Floresta Autóctone

02 novembro, 2018

Centro de Interpretação Ambiental celebra semana da Floresta Autóctone

O Centro de Interpretação Ambiental (CIA) assinala, de 19 a 23 de novembro, a Semana da Floresta Autóctone com oficinas, histórias e trabalho de campo dirigidos a crianças e jovens do 1.º ao 3.º ciclos, bem como ao público sénior. 

O objetivo, nesta semana que vai de 19 a 23 de novembro, é chamar a atenção de toda a população para a importância da nossa floresta e sobretudo das espécies autóctones. Nesse sentido, o CIA delineou um programa abrangente no âmbito da semana da Floresta Autóctone, incluindo histórias, oficinas de utilização de materiais, ações de campo, por exemplo, de identificação de árvores, uma sessão de esclarecimentos sobre a evolução da floresta portuguesa e ainda uma sessão pública dedicada às medidas preventivas para controlo da vespa asiática. (Ver programa).

Além da Semana da Floresta, mantém-se, este mês, as atividades habituais, como as tardes AltAmbiente que, às quartas-feiras à tarde, proporcionam atividades para as crianças e jovens.

Mais informações e inscrições poderão ser obtidas através do e-mail centroambiental@cm-mealhada.pt ou do número de telefone 231 205 389.

 

Programa

Semana da Floresta Autóctone

De 19 a 23 de novembro l Horário: 9h>12h30 e 13h30>17h

 

Uma história na floresta "Tomé o Gaio semeador"

Dinamização de história que aborda a importância das sementes e sementeira de bolotas.

Público-alvo: Pré-escolar

 

"Botânico por um dia"

Identificação de árvores com base em guias de campo.

Público-alvo: 1º CEB

 

"Presentes na floresta"

Oficina de utilização de materiais da floresta.

Público-alvo: 2º CEB

 

Peddy-paper florestal"

Percurso de descoberta da flora do parque da Cidade. Desafio de equipas com questões e tarefas relacionadas com a flora.

Público-alvo: 3º CEB e Secundária

 

Evolução da Floresta Portuguesa

Sessão de esclarecimento sobre a evolução da floresta até à atualidade e plantação de árvore, no Parque da Cidade.

Público-alvo: Público sénior

 

Dia 23 de novembro l 20h30>22h30

Sessão Pública "Medidas preventivas para o controlo da vespa asiática"

Colaboração da Associação de Apicultores do Litoral Centro

 

Centro de Interpretação Ambiental

O Centro de Interpretação Ambiental é um espaço lúdico e educativo, equipado com modernos meios audiovisuais e preparado para realizar as mais diversas atividades pedagógicas, localizado no Parque da Cidade. Um espaço destinado a toda a comunidade, mas que terá uma especial importância para os alunos do concelho.

O CIA tem como missão informar e sensibilizar os cidadãos para a problemática ambiental, promovendo a mudança de comportamentos e de atitudes, para que toda a comunidade saiba lidar com os desafios do desenvolvimento sustentável. As atividades promovidas no espaço têm, pois, como objetivos: despertar a curiosidade para o conhecimento e compreensão do meio natural que nos rodeia; interiorizar atitudes e valores respeitantes à sociedade de consumo e estimular o desenvolvimento de atitudes responsáveis com a preservação dos recursos naturais; contribuir para a formação de uma cidadania ambientalmente mais consciente e informada; dar a conhecer o património natural, sensibilizando para a valorização e preservação dos recursos naturais do concelho de Mealhada e da região; desenvolver a cooperação de alunos e professores em causas ambientais, construindo alicerces para uma sociedade ecologicamente saudável.

Press - Ficheiro PDF Press Release - 02 novembro 2018






Notícias Relacionadas



Quer gerir melhor o seu eucaliptal?
20 fevereiro, 2018

Quer gerir melhor o seu eucaliptal?

A Organização Florestal Atlantis (OFA) e a CELPA – Associação da Indústria Papeleira, promovem no próximo dia 28 de fevereiro, na Escola ...