Ir para o conteúdo principal

Região unida para vencer "7 Maravilhas dos doces"

17 dezembro, 2018

Região unida para vencer "7 Maravilhas dos doces"

Os seis municípios que se uniram na candidatura ao concurso "7 Maravilhas à mesa" celebraram, na Mealhada, a vitória da "Mesa da Bairrada ao Mondego" e lançaram já o desafio para o próximo ano: a união em torno da doçaria da região.

A riqueza das mesas da Bairrada e Mondego faz-se também pela doçaria. Casticitos, caramujos e Morgado do Bussaco (Mealhada), nevadas e pastéis de Lorvão (Penacova), pastéis de Tentúgal (Montemor-o-Velho), bolo de Ançã (Cantanhede), brisas (Figueira da Foz) e arroz doce com ovos (Mira) são algumas das iguarias que farão parte de uma candidatura conjunta dos seis municípios, liderada pela AD-ELO – Associação de Desenvolvimento Local da Bairrada e Mondego, no desafio das "7 Maravilhas" que, em 2019, será focado nos doces.

O jantar foi "simbólico", de agradecimento e celebração da vitória conseguida em Albufeira, a 16 de setembro, mas foi também de lançamento do próximo desafio: os doces da região, que são de grande qualidade e diversidade. Luís Segadães, da organização 7 Maravilhas, participou no jantar e teve já uma amostra da doçaria desta região. "É um grande desafio. A primeira candidatura causou grande impacto pela união dos municípios, temos grandes expectativas também em relação aos doces", referiu. 

Rui Marqueiro, presidente da AD ELO e também da Câmara da Mealhada, referiu o momento "simbólico, de reunião entre todas as pessoas que se associaram à candidatura", sublinhando que "é importante reforçar a já excelente imagem que o público tem dos nossos produtos gastronómicos e do nosso património".

A parceria, para o próximo desafio, dos doces, será para manter. "No nosso território não há fronteiras. É preciso entender que o que beneficia um concelho também traz valor à região e aos outros municípios. É importante manter este nível de colaboração entre os agentes políticos e sociais", explicou o autarca da Mealhada.

A Mesa da Bairrada ao Mondego foi uma das vencedoras do concurso de 2018 com iguarias como Sardinha na Telha, Arroz de Lampreia, Leitão à Bairrada, Espumante Branco Bruto Marquês de Marialva Baga Blanc de Noir 2015, Vinho Tinto Marquês de Marialva Baga Reserva 2014, complementadas pela vertente cultural e de património do Castelo de Montemor-o-Velho e da Mata Nacional do Bussaco e vila termal de Luso.

Todos os municípios receberam uma réplica do galardão e puderam ouvir as explicações dos chefs Luís Lavrador e Dora Caetano.  A par da entrega dos galardões personalizados para cada município, o jantar teve o propósito de agradecer aos parceiros envolvidos em todo o processo de candidatura, desde os chefs de cozinha aos elementos que integraram a animação das claques, passando pelos municípios, elementos fundamentais deste projeto.

Luís Segadães, presidente das 7 Maravilhas, esteve presente na iniciativa para entregar os galardões aos seis municípios da candidatura, que também contou com a presença do presidente da Turismo Centro de Portugal, Pedro Machado, dos chefs Luís Lavrador e Dora Caetano, dos parceiros, presidentes de câmara, órgãos sociais e funcionários da AD ELO.

Press - Ficheiro PDF Press Release - 17 dezembro 2018






Notícias Relacionadas



Convenção Soul Fitness vai "energizar" o município
23 setembro, 2019

Convenção Soul Fitness vai "energizar" o

O Pavilhão Municipal do Luso vai receber, a 26 de outubro, a Convenção Soul Fitness Mealhada'19, um evento que reúne diversas atividades - ...