Ir para o conteúdo principal

Combatentes da Mealhada na grande guerra homenageados em exposição no Cineteatro Messias

10 abril, 2018

Combatentes da Mealhada na grande guerra homenageados em exposição no Cineteatro Messias

A exposição "Primeira Guerra Mundial" presta homenagem à centena de mealhadenses que nela foram obrigados a participar. Através de fotografias, cartas e relatos de família pode imaginar-se o ambiente de um dos episódios mais sangrentos da história militar portuguesa.

Foram 104 os combatentes registados pelo exército português como sendo naturais do concelho da Mealhada, dos quais 3 faleceram em combate, mas a estes somam-se muitos mais que, não tendo nascido na Mealhada, aqui fizeram vida. A lembrá-los está o monumento erigido frente à Câmara Municipal, em 1924. Mas cada família possui a sua história e é através de relatos, fotografias, postais, cartas de namorados – e até "souvenirs de france" – que os dias difíceis destes homens podem agora ser recontados e partilhados, evitando que caiam no esquecimento.

Além dos dias da guerra, esta exposição procura ser um meio de interagir com a comunidade, tentando descobrir o que aconteceu a estes combatentes depois de regressarem a Portugal. Com o apoio da Associação de Aposentados da Bairrada, que ajudou a fazer o levantamento do rasto dos homenageados, conseguiu-se contar o fio da vida de alguns e procura-se fazer o mesmo em relação a outros, já que a exposição é um projeto inacabado, aberto e sempre à procura de mais algum detalhe. 

A exposição conta, ainda, com testemunhos dos netos dos combatentes e com objetos de coleções particulares – nomeadamente de Mário Silva Carvalho, Ana Pires e José Roque – e de parte do espólio do Museu Militar do Exército Português.

Patente na Galeria de Exposições do Cineteatro Messias até final do mês de abril, esta exposição procura, ainda, evocar o centenário da Batalha de ?La Lys?, em 9 de abril de 1918 e a morte de milhares de soldados portugueses, nomeadamente um dos mealhadenses.

A Câmara Municipal da Mealhada deixa o convite à população para que a visite e, se possível, a enriqueça com histórias, fotografias ou outros objetos, até agora desconhecidos, dos seus familiares e amigos que combateram na Primeira Guerra Mundial.

Press - Ficheiro PDF Press Release - 01 abril 2018






Notícias Relacionadas



Meajazz junta teatro e cinema à música
21 julho, 2021

Meajazz junta teatro e cinema à música

A 4ª edição do Meajazz – Festival de Jazz da Mealhada, que se realiza dias 3 e 4 de setembro, no Cineteatro Messias, na Mealhada, vai alargar a ...
"Portugal a Dançar" passa pela Mealhada
02 julho, 2021

"Portugal a Dançar" passa pela Mealhada

A edição 2021 do "Portugal a Dançar" vai passar pela Mealhada. As eliminatórias do concurso de dança irão decorrer no Pavilhão do Luso, dias ...